Conecte-se com a LIVE MARKETING

Sem categoria

R$ 71,5 bilhões é o que faturou o setor de embalagens em 2017 e empresas apostam nisso para crescer

Publicado

em

РR$ 71,5 bilh̵es ̩ o que o setor de embalagens faturou em 2017, um aumento de mais de 10% quando comparado ao ano anterior.
– Com 60% das decisões de compra sendo tomadas em frente às gôndolas, embalagens tornam-se diferencial para atrair o consumidor
– Para competir com os destilados importados, a Reserva 51, da Cia Müller, apostou na embalagem e abriu mais de 1,3 mil pontos de venda voltados a um público sofisticado

A embalagem tem o objetivo de conectar a marca e o consumidor, além de definir o valor que será atribuído ao produto. Quem está no mercado sabe que o tema não é novo. Nessa disputa, os detalhes são fundamentais para chamar a atenção e converter em vendas. Ainda mais em um cenário onde empresas de todos os tamanhos passaram a ser desafiadas a competir para a sobrevivência e o sucesso dos negócios. “O consumidor utiliza a embalagem como um importante item de referência na hora de avaliar e escolher produtos. Mais do que proteger o produto, a embalagem possui a capacidade de atrair o consumidor e despertar desejo nele. Sai na frente quem observa os detalhes”, afirma Marcelo Falcão, diretor da Premier Pack, líder na fabricação e fornecimento de embalagens premium e standards para os mais diversos segmentos.

A indústria brasileira de embalagem produziu o equivalente a R$71,5 bilhões em 2017, segundo o Estudo Macroeconômico da Embalagem ABRE/FGV: desempenho da indústria de embalagem em 2017 e perspectivas para 2018, pouco mais de 10% quando comparado ao ano anterior. Em volume físico, a produção foi positiva em 1,96%, após 3 anos de quedas. Enquanto isso, segundo o mesmo estudo, o nível de emprego atingiu, em dezembro, 218.146 postos de trabalho. Esse contingente é 1,12% superior ao de dezembro de 2016, que ficou 2,28% abaixo do de 2015.

Os desafios do mercado de embalagem
Segundo o relatório anual “Breakthrough Innovation Report”, da Nielsen, o design das embalagens é um dos principais fatores de sucesso por trás dos novos produtos lançados na Europa. Algo que por aqui ainda é bastante tímido.

O documento ainda aponta 11 casos de sucesso, sendo que todos eles geraram pelo menos 7,5 milhões de euros em vendas no primeiro ano de lançamento e mantiveram pelo menos 90% desse valor no segundo ano. O estudo analisou 9.900 lançamentos na Europa. Entre as categorias que mais investem em inovação de embalagem, segundo o mesmo estudo, são da categoria de Alimentação (38%) e Bebidas (18%).

Cerca de 60% das decisões são tomadas por impulso, segundo o relatório. E mais: 56% dos consumidores europeus dizem descobrir novos produtos em loja contra 45% que dizem o mesmo relativamente a anúncios de televisão.

Cachaça
A bebida destilada mais consumida no Brasil não poderia ficar de fora. O Brasil produz hoje, em média, 700 milhões de litros de cachaça por ano, segundo o Instituto Brasileiro para o Desenvolvimento da Cachaça (Ibrac). As vendas de cachaças tradicionais estão estáveis; já as de cachaças premium crescem cerca de 7% ao ano. E com 60% das decisões de compra sendo tomadas em frente às gôndolas, uma infinidade de marcas reposicionaram seus produtos para vender mais, como é o caso da Reserva 51, da Cia Müller. A fabricante apostou na embalagem para competir diretamente com os destilados importados. Com a linha Reserva 51, a Cia. Müller abriu mais de 1,3 mil pontos de venda em canais como empórios, restaurantes e mercados de todo o país voltados a um público sofisticado.

Com 9 em cada 10 brasileiros dispostos a pagar por produtos premium com elevados padrões de qualidade, segundo o mesmo instituto, a embalagem ganha cada vez mais relevância como ferramenta de comunicação. “Essa é uma aposta do mercado que têm crescido nos últimos anos, mostrando grandes oportunidades para empresas a utilizarem como diferencial competitivo para atrair o consumidor no momento da sua decisão final, no ponto de venda”, afirma Marcelo.

Continue lendo

Sem categoria

Itaquá Garden Shopping sorteia viagens em campanha de Natal

Publicado

em

Ação vai premiar consumidores do mall com três viagens de cruzeiro marítimo com um acompanhante e presenteá-los com uma caneca exclusiva

‘O Melhor é Agora’ neste Natal no Itaquá Garden Shopping! É com este tema que o centro de compras convida todos a compartilhar neste mês os sonhos e anseios abrindo suas portas para uma imersão de experiências. A campanha natalina segue no shopping de Itaquaquecetuba até o dia 30 dezembro e dará a oportunidade do consumidor concorrer a três viagens de cruzeiro marítimo com um acompanhante e ainda ser presenteado com uma caneca exclusiva.

Reunindo alguns dos principais desejos de final de ano, a campanha ‘O Melhor é Agora’ promete atrair ainda mais visitantes no Garden, é o que afirma o superintendente do Itaquá Garden Shopping, Alexandre Botelho. “Preparamos uma campanha toda inspirada para nossos consumidores a aproveitarem o momento natalino da melhor forma: encontrando o presente perfeito. Além disso, o visitante poderá encontrar diversos produtos em promoção”, comenta Botelho.

A campanha é realizada no Itaquá Garden Shopping até o dia 30 de dezembro de 2018 e válido para compras no valor de R$ 250. A ação é uma parceria do Itaquá Garden Shopping com a CVC.

Vale lembrar que os visitantes também poderão encontrar no shopping de Itaquaquecetuba diversas lojas com produtos em promoção. “É a oportunidade que o visitante do Garden tem de escolher o presente ideal para seus entes queridos com preços mais acessíveis”, completa Botelho.

A campanha
A cada R$ 250 em compras realizadas durante o período da campanha, o cliente recebe um cupom para participar do sorteio do ‘Grande Prêmio’ – três viagens de cruzeiro marítimo com direito a um acompanhante. A ação é uma parceria do Itaquá Garden Shopping com uma das maiores agências de turismo do País, a CVC.
O sorteio do grande prêmio acontecerá no dia 6 de janeiro de 2019, sendo permitido realizar trocas de cupons até o dia 30 de dezembro de 2018 ou enquanto durar o estoque. Serão distribuídos 2 mil brindes, sendo o limite de um brinde por CPF. O regulamento completo da promoção está disponível no site oficial do Itaquá Garden Shopping (www.itaquagardenshopping.com.br) ou no balcão do shopping.
Natal no Garden
O Itaquá Garden Shopping tem encantado a todos com a temática ‘Pet’ de Natal, uma decoração totalmente dedicada aos bichinhos. A iniciativa é realizada em parceria com a Organização Não Governamental (ONG) Gaari – Grupo de Apoio aos Animais de Rua de Itaquá e conta com ações semanais que envolvem adoção, vacinação, doação de ração e show de agility.
O Papai Noel vai permanecer no Garden até o dia 24 de dezembro, em local próximo a Entrada 1. Até o dia 30 de novembro, ele estará recebendo os visitantes para fotos nos seguintes horários: de segunda a sexta-feira, das 14 às 22 horas; aos sábados, das 12h30 às 22 horas; e aos domingos e feriados, das 12h30 às 21 horas. Entre os dias 1º e 23 de dezembro, os horários serão alterados: de segunda à quinta, das 14 às 22 horas; sextas e sábados, das 12 às 22 horas; e domingos e feriados, das 12 às 21 horas. Já na véspera de Natal (24 de dezembro), o horário será das 11 às 14 horas.
Continue lendo

Sem categoria

Funcionários premiados por performance são mais satisfeitos com o emprego, aponta pesquisa

Publicado

em

[vc_row][vc_column][vc_column_text]Ter uma equipe engajada e inovadora que traga bons resultados constantemente é o sonho de qualquer empresa. Para torná-lo realidade, é preciso que os funcionários estejam motivados e comprometidos com seu trabalho e, uma das formas de fazer isso, é estabelecer um bom programa de incentivo na organização.

De acordo com pesquisa realizada pelo Instituto Locomotiva, em parceria com a LTM, dos trabalhadores com carteira assinada que recebem prêmios por performance,  45%  estão mais satisfeitos com seu emprego de forma geral do que aqueles que não recebem (índice de 31%).

Segundo o estudo, entre o total de entrevistados, 87% enxergam premiações em produtos e serviços como uma boa forma de as empresas valorizarem seus funcionários; e 88% dos trabalhadores concordam que campanhas de incentivo que utilizam produtos e serviços são uma boa forma de motivar os funcionários. Já 80% acreditam que programas de premiação incentivariam muito a sensação de reconhecimento, a produtividade e a melhora do ambiente de trabalho, além da satisfação geral.

“Os números da pesquisa mostram uma grande insatisfação das pessoas com o seu atual trabalho e, ao mesmo tempo, uma receptividade dessas pessoas para novas formas de reconhecimento profissional. É uma boa oportunidade para que as empresas reflitam e proponham outros tipos de premiações, para motivar e proporcionar maior satisfação entre os seus funcionários”, diz Emerson Moreira, idealizador do Guia do Incentivo e CEO da LTM.

Mais que uma demonstração de reconhecimento, a iniciativa é uma estratégia de negócio. A LTM, maior empresa de gestão de programas de fidelidade e de incentivo do País, gestora de programas de fidelização de empresas como Vivo, Shell, Santander e Cielo, apresenta o passo-a-passo para a implementação de uma campanha de incentivo:

Como implantar um programa de incentivo: para aderir aos programas de incentivo, é preciso considerar diversos aspectos. Dentre eles estão:

  • Planejamento: o incentivo ideal é diferente para cada negócio. O recomendado é que o programa de incentivo seja criado de forma personalizada. A partir da definição do objetivo, dos participantes e de suas preferências e do orçamento destinado para a ação, é possível estabelecer o que será oferecido como prêmio;
  • Legislação: o que for decidido quanto ao programa de incentivo deve estar de acordo com a legislação. Com a alteração da Reforma Trabalhista, por exemplo, as bonificações não são mais incorporadas ao salário, o que dá mais liberdade às empresas;
  • Frequência: a bonificação pode ser eventual (como um prêmio pago duas vezes ao ano) ou estruturada (paga quando os colaboradores atingem uma meta);
  • Definição dos prêmios: a melhor forma de escolher quais serão os prêmios, considerando o que foi definido no planejamento, é ouvir o que os funcionários têm a dizer, por meio de uma pesquisa interna, por exemplo. Algumas opções de prêmios são: dinheiro, eletrônicos (tablets, smartphones), eletrodomésticos (cafeteira, liquidificador, sanduicheira, entre outros), crédito combustível ou recarga de celular, pontos revertidos em produtos e viagens;
  • Funcionamento do programa: se as pessoas não entendem a mecânica da iniciativa, ela não é bem-sucedida. Por isso, não basta criar um programa de incentivo excelente se a divulgação for falha. Os envolvidos precisam saber como participar, quais são as condições para a entrega dos prêmios e as metas devem ser alcançáveis. As regras devem ser totalmente compreensíveis.

Cada campanha, um caminho: a empresa pode optar por diferentes formas de premiação e também definir como seu programa de incentivo vai funcionar. Para o time de vendas é possível estabelecer, por exemplo, metas mensais e, quando forem cumpridas, premiar o grupo com dinheiro ou smartphones. Para os funcionários da produção de uma fábrica pode-se oferecer pontos mediante sugestões de melhorias aplicadas nos processos, que podem ser trocados por produtos como viagens, ingressos de cinema ou eletrodomésticos.

Em comum está o fato de que todo programa de incentivo visa recompensar a equipe por seu desempenho ou porque ela precisa estar motivada e satisfeita com o local onde trabalha para produzir mais e melhor.

Para as empresas os ganhos com campanhas de incentivo são sempre recompensadores. Por meio dessas campanhas é possível aumentar a performance das equipes, além de identificar talentos. “Com um programa de incentivo, além do aumento da motivação, há melhoria do clima e da satisfação entre os colaboradores. Outros benefícios são a retenção de talentos e o fato da empresa se tornar mais atraente aos olhos de bons profissionais”, afirma Emerson.

Investir em uma campanha inovadora para incentivar a equipe não se trata apenas de recompensá-la por um bom desempenho, mas sim de uma estratégia inteligente de negócio para empresas que enxergam nos funcionários a chave para o seu crescimento.[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Continue lendo

Sem categoria

Empresa desafia agentes de viagem a entenderem o futuro do aluguel de carros

Publicado

em

[vc_row][vc_column][vc_column_text]A tecnologia se tornou importante aliada de empresas das mais diferentes áreas, inclusive é fundamental para algumas. O segmento de locação de veículos também tem seguido a tendência e se renovado para acompanhar o mercado e atender as necessidades dos clientes. Pensando nisso, a Mobility, primeira e única empresa brasileira especializada no segmento de locação de veículos no Brasil e no exterior, lançou a campanha “Futuro Rent a Car”, que segue até o mês de setembro.

“Viajar é uma das coisas mais prazerosas que existem, mas também tem sua dose natural de stress. Nossa missão é aliviar essa carga, procurando nos antecipar aos desejos dos clientes. É nesse sentido que usamos a tecnologia: para reconhecer os hábitos dos clientes, facilitar as suas escolhas e agilizar o processo de locação”, afirma Oskar Kedor, que fundou a Mobility há 18 anos.

No hotsite http://www.futurorentacar.com.br/ os agentes de viagens encontram matérias sobre o assunto e podem participar de um quiz informativo, respondendo de acordo com a leitura dos artigos disponíveis no site. Ao final de cada rodada, os participantes receberão premiações que vão desde malas de viagem a carregadores portáteis, itens essenciais para os viajantes. No fim do concurso, os três melhores colocados ganharão uma viagem para a Califórnia (EUA) para conhecer as grandes empresas do futuro no Vale do Silício.

“Estamos investindo em tecnologias que permitam check-ins e check-outs mais rápidos, manuseio adequado de bagagens e simplificação dos trâmites obrigatórios, que são preocupações comuns no segmento de turismo. Mas o que mais precisa ser melhorado? Como isso pode ser feito? A campanha vem para gerar a interação dos consumidores conosco fornecendo também um feedback para a empresa”, comenta Oskar.

“O uso correto da tecnologia vai tornar as experiências humanas mais plenas e confortáveis”, diz Oswaldo Melantonio Filho, presidente da Mobility desde 2016. As rodadas do quiz começam no dia 25 de abril, mas o site da campanha já está no ar com matérias especiais.[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Continue lendo

Tendências

Copyright © 2021 Revista Live Marketing. Todos os Direitos Reservados.